IMPRIMIR NOTICIAS EM SEU E-MAIL RSS
DIMINUIR FONTE AUMENTAR FONTE
 
 
Dengue

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

O município de Irati registrou, no ano passado, um total de 10 focos do mosquito que transmite a dengue. Os criadouros foram encontrados nos bairros Floresta, Canisianas, Vila São João, Camacuã, Rio Bonito, Novo Irati, Alto da Glória e Centro. Agentes da Vigilância Sanitária Municipal que atuam no combate à dengue dão conta de que na primeira semana de 2010 já houve a confirmação de um foco do mosquito encontrado no Loteamento Eduardo Laars, bairro Rio Bonito.

Com relação aos casos da doença, quatro dos cinco casos suspeitos notificados em Irati em 2009 foram descartados. “Apenas um caso foi confirmado e constatou-se que a pessoa se contaminou fora do município”, afirma Maria Luiza Massuquetto, funcionária do setor de Epidemiologia da Secretaria Municipal de Saúde. Segundo ela, nenhum caso suspeito foi notificado este ano.

O perigo das piscinas infláveis

A maior ocorrência de chuvas torna o verão o período mais propício para a reprodução do mosquito Aedes aegypti e o excesso de chuvas das últimas semanas contribuiu para o acúmulo de água em recipientes. Por isso os cuidados para não deixar água parada devem ser reforçados nesta época do ano.

Maria Luiza chama atenção para as piscinas infláveis, brincadeira infantil que pode trazer conseqüências indesejáveis. “Em dias quentes os pais montam piscinas de plástico para as crianças brincarem e se refrescarem, mas deixam a água parada por vários dias, chegando a formar uma crosta verde”, alerta. A orientação é para que depois de utilizada, a piscina seja coberta ou esvaziada para não se transformar em local de proliferação do mosquito.

Outras medidas simples devem ser adotadas por moradores da cidade e do interior do município para prevenir a dengue. Dentre elas: manter tampada a caixa d’água; guardar garrafas, baldes e recipientes vazios virados para baixo; colocar areia em pratinhos de vasos de plantas; manter jardins e quintais limpos e sem recipientes ou materiais que possam acumular água da chuva; separar lixo orgânico e lixo reciclável; evitar deixar lixo e entulho em casa, que são criadouros do mosquito da dengue e também de aranha e escorpião.

Mesmos sintomas da gripe suína

A prevenção é a única forma de combater a dengue, doença que pode matar. A transmissão ocorre somente pela picada do mosquito Aedes aegypti infectado com o vírus. Os sintomas são dores no corpo, nas juntas, na cabeça e no fundo dos olhos, febre e, algumas vezes, manchas vermelhas na pele. Mas o diagnóstico correto só poderá ser feito por um médico, pois os mesmos sintomas são causados pela hantavirose, febre amarela e gripe A (H1N1).


Informações complementares:

Secretaria Municipal de Saúde – Epidemiologia – tel (42) 3907-3135

Vigilância Sanitária – Combate à dengue – tel (42) 3907-3023

 
 
 
IMPRIMIR NOTICIAS EM SEU E-MAIL RSS
DIMINUIR FONTE AUMENTAR FONTE
 
 
 
| VEJA MAIS |
 
 

 

 
Voltar à pagina anteriorIr para a página principal
Amcespar – Associação dos Municípios Centro Sul do Paraná
Fone: (42) 3423-2393 - Irati - PR